Notícia

Curitiba sedia Seminário Jurídico Nacional da UGT


Do Rio de Janeiro, participam o presidente Nilson Duarte Costa, a secretária da Diversidade Humana, Ana Cristina dos Santos Duarte, e o secretário Jurídico, Claudio Rocha.


Com transmissão ao vivo pelo site da UGT, o 2º Seminário Jurídico Nacional da União Geral dos Trabalhadores (UGT) está acontecendo nesta quinta-feira, 7 de julho, no em Curitiba (PR).


Para o encontro, foram confirmadas as presenças do ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira; do presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Ives Gandra Martins Filho; do governador do Paraná, Beto Richa; do prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet; do presidente nacional da UGT, Ricardo Patah; e diversas autoridades do mundo do trabalho.


Durante todo o dia serão debatidos temas pertinentes ao mundo do trabalho. Alguns permeados de muita polêmica entre trabalhadores e empregadores. Pela manhã, o presidente do TST, Ives Gandra Martins Filho, foi convidado a proferir palestra sobre: “O prestígio da negociação coletiva à luz da legislação e da jurisprudência”. O presidente do TST defende que, em uma eventual negociação entre patrões e empregados, prevaleça a negociação acima do legislado.


Por outro lado, o ministro chefe da Casa Civil, Elizeu Padilha, tem defendido o projeto de Lei, que tramita no Senado Federal, que regulamenta a terceirização de serviços para todas as atividades, inclusive a chamada “atividade fim”. Estimativas do próprio governo, dita em encontros com o setor patronal, dão conta que a reforma trabalhista deve ocorrer ainda no decorrer deste ano, após o período eleitoral.


Para Paulo Rossi, presidente da UGT-Paraná e coordenador do seminário, qualquer proposta de reforma deverá ser amplamente discutida com as centrais sindicais: “O governo e o setor patronal devem expor quais suas propostas, pois nós, dirigentes laborais, acreditamos que em nome do crescimento econômico não podemos precarizar as relações de trabalho, retirando direitos conquistados ao longo de décadas. Por outro lado, o ministro do trabalho, Ronaldo Nogueira, tem se mostrado sensível a pauta dos trabalhadores, e acreditamos que desta forma, é possível chegar a um consenso sobre temas específicos dentro do negociado sobre o legislado.


Presidente da UGT-RJ, Nilson Duarte Costa participa do evento que discute, ainda, temas como


“O prestígio da negociação coletiva à luz da legislação e da jurisprudência", “Proposta de reforma tributária da UGT e a garantia dos direitos da Previdência Social”, “A importância das entidades sindicais nas negociações coletivas”, “Sistema de Custeio das Entidades Sindicais” e “A valorização da Participação nos Lucros e Resultados”. Do Rio de Janeiro, participam da agenda a secretária da Diversidade Humana, Ana Cristina dos Santos Duarte e o secretário Jurídico, Claudio Rocha.


Fonte: UGT-RJ com informações da UGT nacional


07/07/2016

TV UGT-RJ


Jornal UGT-RJ

Filie-se a UGT-RJ

Projeto Inclusão Digital

Cartilhas UGT-RJ


Visitantes

Contador de Acesso - Contador de visitas

Rádio Web Fire FM

Endereço: Rua Camerino, 128 7ºAndar, Centro - Rio de Janeiro, Cep: 20080-010

Telefone: (21) 2223-2656
Telefone: (21) 2223-7849
Desenvolvido por:


Todos os Direitos Reservados UGT RJ - União Geral dos Trabalhadores do Estado do Rio de Janeiro.