Notícia

Governo do Rio encaminha à Alerj proposta de reajuste do piso regional de 2017


O governo do estado do Rio de Janeiro enviou na última quinta-feira, 2, à Assembleia Legislativa (Alerj) o projeto de lei que propõe um reajuste de 7,53% para o piso salarial regional de 2017.


O índice aplicado foi superior à inflação de 2016 de 6,53%. Integrante da Bancada de Trabalhadores no Conselho Estadual de Trabalho, Emprego e Geração de Renda (Ceterj), representando a União Geral dos Trabalhadores do Rio (UGT-RJ), Cláudio Rocha destaca a inclusão do educador social na faixa quatro. “Infelizmente o governo retirou mais uma vez o jornalista que, na nossa proposta, estava na faixa seis”, lamenta Rocha que vem, há alguns meses, acompanhando as discussões, na Comissão do Trabalho da Alerj.


De acordo com o texto, o piso vai variar de R$ 1.131,58 para empregados domésticos, de serviços de conservação, manutenção, entre outros; a R$ 2.887,17 para administradores de empresas, arquitetos, advogados, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, entre outros.


06/02/2017

TV UGT-RJ


Jornal UGT-RJ

Filie-se a UGT-RJ

Projeto Inclusão Digital

Cartilhas UGT-RJ


Visitantes

Contador de Acesso - Contador de visitas

Rádio Web Fire FM

Endereço: Rua Camerino, 128 7ºAndar, Centro - Rio de Janeiro, Cep: 20080-010

Telefone: (21) 2223-2656
Telefone: (21) 2223-7849
Desenvolvido por:


Todos os Direitos Reservados UGT RJ - União Geral dos Trabalhadores do Estado do Rio de Janeiro.