Notícia

Governo corta mais R$ 4,3 bilhões do trabalhador rural


A Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2018, comparada com a de 2017, sofreu um corte de R$ 4,3 bilhões nos recursos destinados às políticas direcionadas aos trabalhadores rurais. Segundo levantamento da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), os maiores cortes foram na Política de Fortalecimento e Dinamização da Agricultura Familiar, que perdeu R$ 3,98 bilhões, impactando principalmente nos recursos para o crédito do Pronaf e assistência técnica. Os cortes também foram expressivos nos recursos destinados às políticas de comercialização, formação de estoques reguladores e garantia de preço dos produtos.


O Programa de Segurança Alimentar e Nutricional e a Política de Desenvolvimento Territorial, que já contavam com orçamento reduzido, frente às suas necessidades, para 2018 terão cortes expressivos de 26,8% e 28,8%, respectivamente, diminuindo em muito o seu alcance e ações de combate à pobreza e de inclusão das populações em situação de vulnerabilidade. Para exemplificar, o programa Cisternas, que é fundamental para amenizar o problema da seca na região do semiárido nordestino teve um corte de 84% do orçamento comparado com 2017.


Fonte: Monitor Mercantil


Data: 17/01/2018

TV UGT-RJ


Jornal UGT-RJ

Filie-se a UGT-RJ

Projeto Inclusão Digital

Cartilhas UGT-RJ


Visitantes

Contador de Acesso - Contador de visitas

Rádio Web Fire FM

Endereço: Rua Camerino, 128 7ºAndar, Centro - Rio de Janeiro, Cep: 20080-010

Telefone: (21) 2223-2656
Telefone: (21) 2223-7849
Desenvolvido por:


Todos os Direitos Reservados UGT RJ - União Geral dos Trabalhadores do Estado do Rio de Janeiro.